Kitchen Stories #5

18.6.14
Do outro lado do Atlântico está a Joana. A blogosfera tem destas coisas boas de aproximar pessoas que estão a milhas de distância. Já não me lembro bem como tropecei no blogue da Jo, mas desde logo o guardei nos favoritos. Não sei se terá sido pela belíssima fotografia e sensibilidade, ou se pelo facto de me deixar intrigada: ela é portuguesa, vive nos Estados Unidos e tem um blogue com nome francês :)
A Joana confessou que ainda não tem a cozinha dos seus sonhos, mas para mim esta parece-me muito bem.
Bom, bom é saber que ela brilha nas receitas da "pesada" como feijoada, cabrito no forno ou carne estufada. A salada de pimentos e a sopa de cenoura com caril também me deixaram a pensar como era bom se eu me pudesse teletransportar até ao outro lado do oceano.
Huuummm... Abriu-vos o apetite? Então leiam mais...
...
Across the Atlantic ocean is Joana. The blogosphere has such good things as bringing people together who are miles away. I can't remember when I stumbled upon the Jo's blog, but since then i saved it in my favourites. I don't know if it was for the beautiful photography and sensitivity, or by the fact that she leave me curious: she is a portuguese girl, living in the United States and has a blog with a french name :) 
Joana confessed that she doesn't have her dream kitchen already, but to me this one seems pretty nice.
Well, it is good to know she sines with tipical portuguese recipes like roasted goat or stewed meat. The peppers salad and carrot soup with curry also left me thinking how wonderful it would be if I could by magic be in the other side of the ocean. 
Huuummm ... are you hungry? Go for it and read more...








Gostas de cozinhar, ou preferes delegar?
Sinceramente se pudesse delegava. Principalmente após um dia cansativo de trabalho, custa muito chegar a casa e ainda ter que preparar jantar e ser criativo para não ter que repetir vezes sem conta uma ementa. Fora disso, quando não estou cansada e tenho tempo, gosto cada vez mais de estar na cozinha e preparar receitas diferentes e inesperadas.

Passas muito tempo na cozinha?
Faço sempre os possíveis para cozinhar e não cair na tentação de comprar feito ou processado, principalmente aqui nos Estados Unidos em que a oferta nesse sector é deveras agressiva e tentadora. Mas boa Portuguesa que sou, faço questão de sempre proporcionar os momentos de refeição à mesa e cozinhar para a família. Passo o tempo essencial no dia-a-dia, e mais tempo durante o fim-de-semana, para fazer doses maiores que possamos comer durante a semana. 
Quando tiver a cozinha dos meus sonhos acho que passarei mais tempo.

Na tua cozinha que utensílios e ingredientes não podem faltar?
Tenho que ter milhentas especiarias à mão pois não faço nada sem despejar pelo menos umas 4 ou 5 variedades na comida. Gosto de comida bem condimentada. Alho, limões (principalmente para temperar), cebolas das boas (que compro sempre no mercado), coentros e queijos (muitos, para saladas também como o feta ou de cabra). Actualmente nunca falta quinoa ou Farro em substituição do arroz ou massa. A minha panela de pressão, que não vivo sem ela (durante a semana é o melhor para cozinhar aquele arroz integral que leva uma eternidade, e sopas) e um liquidificador para fazer todos aqueles sumos e smoothies que a filha adora. Gosto também de adicionar uma dose de pirlimpimpim à vida, com colheres de purpurina e muitos detalhes dourados a qualquer utensílio. 

Qual é aquela receita que tiras sempre da manga e te faz brilhar?
Normalmente brilho naquelas receitas da "pesada" como uma feijoada, cabrito no forno, carne estufada e uma salada de pimentos variados que são assados no forno e depois levam muito alho, especiarias, azeite e limão e vão ao frigorífico para absorver os sabores. Divinal com umas torradas e vinho. Tudo bem ao estilo clássico português que cresci a aprender com a minha avó e mãe. 
Agora na Florida tento evitar estes pratos e faço mais saladas variadas, e para acrescentar substância, misturo quinoa ou farro - são um sucesso.

E aquela receita que te deixa frustrada, que queres saber cozinhar e corre sempre mal?
Hum, não tenho muitas. Digamos que naquilo que é fácil à partida, é quando falho. As açordas que tanto gosto saem-me sempre mal (talvez seja do pão fraco que temos por cá) ou então panquecas. Não há meio de acertar com aquilo. Ou ficam demasiado espessas, ou liquidas, ou não as consigo virar, ou queimo-as. Encarrego o marido de as fazer quando a filha pede pois nisso ele não falha. Ah, tentei várias vezes fazer arroz doce e saio sempre fracassada. 

Qual a receita que a tua filhota mais pede para cozinhares?
A minha sopa de cenoura com caril que tanto adora e pede sempre para repetir (o que é uma raridade). Adora carne estufada com arroz e cenoura e pernas de frango. Legumes são poucos que gosta por isso faço-lhe nas sopas que ela se habituou a gostar desde bebé.

Qual é o teu/tua guru culinário/a?
Sem dúvida que aprendi o que sei hoje graça às minhas avós e mãe. Foram com elas que aprendi, e cresci a observá-las na cozinha. Cada vez dou mais importância a este "passar" de sabedoria que é tão raro observar hoje em dia, principalmente aqui neste país. Ainda hoje lhes ligo se preciso de uma receita ou aperfeiçoar algo. O lado maternal vem dos Trás-os-Montes e bem sabemos o gostinho deste lado. Pelo meio, sofri influências de África e recorria à minha tia adoptiva para uma bela muamba. 
Mas com este mundo internauta tão apetitoso e vasto, busco inspiração e ideias todos os dias a cada clique. 

Livros de Receitas ou Blogues de Culinária? Quais?
Tenho uma amiga que foi uma querida e enviou-me uns livros de receitas portuguesas e vou lá sempre que quero preparar algo caseiro e típico. Mas opto muito por blogues de culinária e há tantos maravilhosos que é tão difícil não ficar embevecida na criatividade de todos. Adoro Love & Lemons (muita receita saudável), Playful Cooking (com todo aquele exotismo culinário que adoro), Green Kitchen Stories (quando estou na onda do "verde"), Reclaiming Provincial (uma rapariga que vive em Vermont e faz coisas deliciosas e que nos aquecem a alma).  
Faço também o meu próprio livro de receitas à base de páginas impressas pela internet. Eu sei, nada apelativo. Gostaria de ter a paciência que a minha avó tinha de escrever tudo à mão naquela caligrafia bem clássica. 

Fora da tua cozinha, onde gostas de comer? [Não vale em casa da mãe].
Como estou tão desejosa de retornar a estes locais em Lisboa para deliciar-me com a bela culinária Portuguesa, devo dizer que tenho saudades do "Painel de Alcântara" e "Café de S. Bento" (melhor bife de sempre!!). Há obviamente toda uma série de restaurantes modernos e hypes, mas como emigrante que agora sou, estes estão-me no coração. 
 ...

Do you like to cook, or do you prefer to delegate?
Honestly if I could i delegated. Especially after a tiring day of work, it costs a lot to get home and still have to prepare dinner and be creative to avoid to repeat over and over the same menu. When I'm not tired and I have time, I like being in the kitchen and prepare different and unexpected recipes.

Do you spend a lot of time in the kitchen?
I always strive to cook and not be tempted to buy processed food, especially here in the United States where the offer in this sector is quite aggressive and tempting. But good as a good portuguese, I must always provide the meal times at the table and cooking for the family. I some time in the kitchen on everyday life, and more time on weekends to make larger doses of food so we can eat it during the week.
When we have the kitchen of my dreams then I'll spend more time there.

In your kitchen which utensils and ingredients are essential?
Gotta have thousands of spices because I do nothing without dumping at least 4 or 5 varieties in food. I like spicy food as well. Garlic, lemons (mainly for seasoning), onions (I always buy them at the market), coriander and cheese (different kinds for salads). Currently i use quinoaor farro instead of rice or pasta. My pressure cooker, I can not live without (during the week is the best to cook brown rice and soups) and a blender to make all those juices and smoothies that my daughter loves. I also like to add a dose of bright details to life, with many glitter tablespoons and gold details to any utensil.

What is that one recipe that makes you shine?
Normally portuguese recipes like "feijoada", roasted goat, stewed meat and a salad of assorted peppers that are baked in the oven with lots of garlic, spices, olive oil and lemon. Than i  put it into the fridge  and to absorb all the flavors. It's divine with some toasts and wine. 
In Florida i try to avoid these dishes and make more salads, with quinoa or farro - it's a success.

And that recipe that makes you feel frustrated?
Huumm, I don't have many. The "açorda" recipe which I love always goes wrong (maybe beacause of the bread around here) or pancakes. I ask my husband to make them, when my daughter asks for it. I also tried several times to make rice pudding and i always failed.

What is that recipe  your little daughter asks you more often to cook?
My carrot soup with curry. She also loves stewed beef with rice and carrots and chicken. 

Who is your culinary guru?
No doubt I learned what I know from my grandmothers and mother.I grew up watching them in the kitchen. Every time I give more importance to teach younger people. I still call them if I need a recipe or improve something. The maternal side comes from the "Trás-os-Montes" and we know how lovely is this side. I also have influences of Africa from my adoptive aunt who teach me how to cook a nice "muamba".

Cookbooks or Food Blogs?
I have a friend who was a dear and sent me some books of Portuguese recipes and i use them when i want to prepare something homemade and typical. But i search a lot on blogs. I love "Love & Lemons" (lots of healthy recipes), Playful Cooking (with all that exoticis cuisine), Green Kitchen Stories (when I'm on   "green" mood), Reclaiming Provincial (a girl who lives in Vermont and makes delicious things and that warms our souls).
I also make my own cookbook based on printed pages over the Internet. I know it's not appealing. I would like to have the patience of my grandmother and write everything by hand with that classic calligraphy.

Out of your kitchen where do you like to eat? [Your mother's place doesn't count].
I can't wait to return to these places in Lisbon and delight myself with the beautiful portuguese cuisine. I must say i miss the "Painel de Alcantara" and "Café São Bento" (best steak ever!). There are obviously a number of trendy restaurants, but as an emigrant, these are in my heart.

Photos by Joana S.
Illustration via Pinterest.

16 comentários:

  1. Também adoro o blogue da Joana, e tal como tu, logo que descobri o seu blogue, guardei-o nos meus favoritos...tem realmente umas fotografias deliciosas e fantásticas, e adoro a simplicidade e frescura que ela transmite...

    ResponderEliminar
  2. Obrigada pela partilha, não conhecia o Ballon Blanc e fiquei fã.

    ResponderEliminar
  3. Para mim quem sabe as receitas das pesadas, meu deus, sabe tudo! E os gostos da filha da Joana são os meus, por isso daria-me muito bem na Florida com ela <3 Ahah

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E os miúdos também se dariam bem, estou a ver :) hihi

      Eliminar
  4. TOP: Tb sigo o blog da joana ha algum tempo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Vindo de alguém tão top, sinto-me honrada :) bjs

      Eliminar
  5. Desconhecia completamente o blog da Joana. Mas graças a ti, ela já ganhou mais uma seguidora! Que delícia!

    ResponderEliminar
  6. Escrevi um comentário mas não sei se ficou... Deu um erro estranho. :/ Mas como estava a dizer... Desconhecia por completo o blog da Joana e que boa descoberta que foi. Já ganhou mais uma seguidora graças a ti! :)

    ResponderEliminar
  7. é dos blogues mais bonitos que habitam a web

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sinto-me imensamente lisonjeada. Obrigada :)

      Eliminar
  8. Gosto tanto das ilustrações que aparecem com cada convidado!
    Quem é o/a autor/a ?

    ResponderEliminar
  9. Também sou seguidora do Ballon Blanc, muito pelas fotografias que adoro e pela curiosidade nesse outro lado do Atlântico.

    ResponderEliminar
  10. Gosto muito deste Kitchen Stories! Ficamos a conhecer tantas coisas lindas que andam por aí...

    ResponderEliminar