Me and My Baby

2.12.13













Amor. Muito amor de manhã, à tarde e à noite.
Os dias passam mesmo a correr e daqui a pouco a Ema tem dois meses e eu nem me apercebi.
A nossa bebé já nos reconhece, já vibra com a nossa voz e sorri-nos. E quando sorri, o mundo e o tempo param. É a coisa mais bonita do mundo ver os nossos filhos a sorrir... imagino quando ela me disser que também me ama [tal como eu lhe digo mil milhões de vezes por dia].
Descobri em mim uma faceta até então desconhecida... a de palhaça! :) Para manter a minha filha acordada algum tempo durante o dia faço de tudo um pouco...e ainda bem que ninguém está a ver. Eu falo com ela, faço-lhe perguntas (mas não obtenho resposta), faço caretas, imito animais, verbalizo grunhidos e sons estranhos, improviso teatros, conto histórias, ponho-lhe vários gorros e chapéus, tiro imensas fotos, dou beijinhos sonoros, danço, canto (até uma espécie de ópera já me deu para entoar).
Depois... depois vem o nosso passeio diário à beira-mar nestes dias frios e solarengos de Novembro que ela parece adorar. Dorme como um anjinho ao som das ondas.
Ela deve achar que eu sou um ser muito estranho, mas tenho a certeza que já gosta muito de mim... tal como eu gosto dela.
E assim vamos crescendo nesta aventura da maternidade.
Estou ansiosa que chegue o Natal. Este ano temos um "menino Jesus" muito especial.
...
Love. So much love in the morning, afternoon and at night.
Days pass by so fast and soon Ema is two months old and I didn't even notice.
Our baby already recognizes us, vibrates with our voice and smiles at us. And when she smile, the all world stops. It is the most beautiful thing in the world to see our children smile... I can't imagine when she'll tell me that she loves me [as I tell her a billion times a day].
I discovered in myself a new facet ... of a clown! :) To keep my daughter awake some time during the day i do a bit of everything ... and thank God no one is watching. I talk to her, make her questions (without answers), i make strange faces, imitate animals, verbalize grunts and strange sounds, improvise theater plays, i tell her fairy tails, put her several caps and hats, i take a lot of photos, i kiss her a lot, i dance and sing (even a kind of opera)
Then it comes our daily walk by the sea in this cold sunny November that she seems to love. She sleeps like a little angel listening to the wave sounds.
She must think I 'm very strange creature, but I'm sure she already loves me very much ... as much i love her.
And so we grow in this adventure of motherhood .
I'm so anxious for Christmas to come. This year we have a very special "baby Jesus".

Much Love,
Ana*

30 comentários:

  1. Lindo Ana! Adorei as palavras e a foto!
    Ser mãe é mesmo assim, não me canso de repetir, é um amor incondicional, é ter um bocadinho de nós noutra pessoa, pessoa essa que vai ser a nossa prioridade ao longo de toda a nossa vida. Ao mesmo tempo é uma aventura, é uma descoberta diária e é um amor que só cresce.
    E quando ela começar a dizer "gosto tanto de ti" e der aqueles abraços apertados, vai parecer que o mundo pára e que ali temos a maior felicidade do mundo.
    Muitas, mas muitas felicidades, são os meus desejos.
    Bjinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Estou ansiosa por esse abraço apertado :D

      Eliminar
    2. Vai ver Ana, é o melhor do mundo. O meu hoje, quando se despediu de mim, disse: "vou ter saudades tuas" e "agora tenho de ir" (aiiii! sabe tão bem). Tem 3 anos!
      Bjinhos

      Eliminar
  2. Que amor!! Adoro as suas palavras, é que retratam mesmo bem este sentimento único que só sabe sentir quem é a Mãe! Eu sou e não há mesmo nada melhor no mundo! bjnhos

    ResponderEliminar
  3. Que delicia! O que não fazemos pelos nossos filhos :)

    ResponderEliminar
  4. a maternidade é como se fosse uma outra dimensão onde agora vais crescer paralelamente... Crescem as duas juntas :) Bj* continuem a divertir-se... ;)

    ResponderEliminar
  5. Esta foto está uma doçura! :)

    A maternidade é fantástica! Toca a aproveitar cada bocadinho desta altura... passa tão rápido!

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  6. A imagem esta linda, e o texto ainda mais.

    ResponderEliminar
  7. Essa fotografia está deliciosa :) e adorei o texto, adorei as palhaçadas que dizes que fazes, isso é ser mãe :) uma mãe fantástica *

    ResponderEliminar
  8. Sempre estive por aqui a ler tudo o que publicas, mas agora com a chegada da pequena é tudo certamente muito mais doce e amoroso. Somos mães e todas somos iguais, e sempre manteigas derretidas, mas ler algo assim emociona, acalenta, faz-nos perceber o motivo das coisas não estarem todas perdidas. Um beijo em vcs duas, meninas lindas.

    ResponderEliminar
  9. Oh Ana, que palavras lindas... :') Deve mesmo ser um amor inqualificável e inexplicável... E aposto que sim, ela também te ama como tu a amas. Que lindo! :')

    ResponderEliminar
  10. Que ternura de palavras e a foto apenas mostra o que é dito nestas palavras cheias de amor.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  11. Que lindo!!!
    Beijinhos,
    http://sudelicia.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  12. A fotografia esta linda linda linda! <3

    ResponderEliminar
  13. Que momento bonito este. Adorei as fotos e as palavras :)
    O teu Natal este ano só pode mesmo ser muito especial.

    ResponderEliminar
  14. OLá Ana.
    São momentos lindos e inesquecíveis. Aproveite ao máximo.
    Beijinhos grandes.

    ResponderEliminar
  15. Adorei Ana :)
    Estou grávida pela primeira vez e desejosa de poder sentir/fazer tudo isto que escreveste!! Deve ser uma sensação maravilhosa!!

    Beijinho para as duas*
    Rita

    ResponderEliminar
  16. Conheci agora este blogue e fiquei encantada com tanta ternura, não só pelas fotos mas também pelas palavras. Parabéns pela menina, é aproveitar bem esta fase porque eles crescem muito depressa.

    Boa semana, bom mês.

    ResponderEliminar
  17. Que palavras lindas e que amor tão lindo, não é? Não se sabe de onde vem... nasce ao mesmo tempo do ser pequerrucho, acompanham-se !
    Obrigada minha querida por me dares esta" princesinha de sonho".
    Gosto muito de ti, também.
    Beijinhos aos meus três amores.

    ResponderEliminar
  18. Lindos!!Sim tb vou escrever aproveita porque passa depressa, penso muitas vezes ao olhar a minha S. já não tenho um bebe tenho uma menina, O melhor de tudo.... cada fase e mais gira que a anterior !

    ResponderEliminar
  19. Dá para se sentir através desta maravilhosa fotografia a dimensão desse amor que tanto fala!!!

    ResponderEliminar
  20. dá para se sentir através desta maravilhosa fotografia a dimensão desse amor que tanto fala!!!

    ResponderEliminar
  21. Que post lindo e que foto linda. Não há amor como o de mãe e filho. É um cliché, mas muito sábio e verdadeiro!
    Beijinhos e parabéns,
    Lia.

    ResponderEliminar
  22. Senti uma massagem boa no coração. Adorei Ana!

    ResponderEliminar